26ª edição do Anima Mundi está chegando e hoje fui conferir algumas das animações que estarão no festival. Já posso adiantar que, se a qualidade da mostra se manter em todo o evento, vocês podem aguardar ótimas surpresas!

Para quem não conhece, o Anima Mundi é o maior festival de animação da América Latina. Ele acontece tanto no Rio de Janeiro (de 21 a 29 de julho) quanto em São Paulo de 1º a 5 de agosto). Neste último, o evento ocupa o Memorial da América Latina, a Caixa Belas Artes, Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB SP, Centro Cultural São Paulo – CCSP e o Cine USP. São mais de 400 produções vindas de 40 países com um panorama do que há de melhor no mundo dentro dos mais diversos gêneros da animação.

Hoje foram exibidas 11 animações e eu praticamente gostei de todas, mas três me chamaram muito a atenção. A primeira foi a canadense Animal Behaviour (Comportamento Animal), trazendo uma terapia em grupo com animais e eu me identifiquei DEMAIS com o macaco, acho que era eu ali. A segunda foi a britânica Happiness (Felicidade) que mostra uma sociedade de ratos em busca da felicidade e tem um final SENSACIONAL. E, a terceira foi a americana Weekends (Fins de Semana) sobre um garotinho que vive se descolando entre as casas de seus pais recém-divorciados…

Vou deixar abaixo a lista de todas que foram exibidas:

Guaxuma – Brasil, França

Sinopse: Tayra e eu crescemos numa praia no nordeste do Brasil. Éramos inseparáveis. A brisa do mar me traz lembranças felizes de volta.

Weekends (Fins de semana) – Estados Unidos

Sinopse: Um menino vive se deslocando entre as casas de seus pais recém-divorciados. Momentos surreais e oníricos se misturam com as realidades domésticas de uma família nos anos 80 em Toronto.

Animal Behaviour (Comportamento animal) – Canadá

Sinopse: Lidar com o que acontece naturalmente não é fácil, especialmente para animais. Cinco animais reúnem-se regularmente numa sessão de terapia de grupo orientada por Dr. Clement, um psicoterapeuta canino.

Freedom From Fear (Livre do medo) – Estados Unidos

Sinopse: Um comentário sobre a cultura americana de armas. Quarta de 52 animações experimentais feitas semanalmente pelo autor em 2017.

La Femme Canon (A mulher canhão) – Canadá, Suiça, França

Sinopse: Madeleine, uma bala de canhão humana, faz um espetáculo itinerante com o marido. Mas em casa, todos os dias são iguais.

Happiness (Felicidade) – Reino Unido

Sinopse: A implacável busca de roedores pela felicidade e realização.

Ride (Rolê) – Portugal, Reino Unido

Sinopse: Um motoqueiro parte numa idealizada viagem de motocicleta pelo campo, rumo ao futuro. Uma homenagem ao icônico design de motos dos anos 1950 e 60.

The Origin of Sound (A Origem do Som) – Bélgica, Holanda

Sinopse: Gênesis, sétimo dia de manhã cedo. O Criador percebe que se esqueceu de adicionar som ao mundo! Ele começa a consertar isso usando sua estranha coleção de desenhos animados. Mas não ao gosto de suas criaturas…

Take Rabbit (Leve o Coelho) – Reino Unido

Sinopse: Uma abordagem bem-humorada de um antigo dilema – um homem tenta transportar uma raposa, um coelho e um repolho em seu pequeno barco pelo rio, mas logo percebe que ‘deu um passo maior que as pernas’.

(OO) – Coreia do Sul

Sinopse: Os eventos que ocorrem nas narinas de uma pessoa.

Coucouleurs (As cores do Cuco) – Suíça (Curta Infantil)

Sinopse: Numa grande floresta onde os pássaros só têm uma cor, cada um vive na árvore que combina consigo. Mas o que acontece quando um pássaro tem duas cores?